Enem 2019 – Temas que Podem Cair na Prova





Confira aqui 15 temas da atualidade que podem cair na prova do Enem 2019.

Um resumo especial para quem quer estudar para o ENEM:

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) acontecerá nos dias 3 e 10 de novembro.




Temas principais:

– Aquecimento global:

É um assunt relevante por conta dos acordos globais feitos para mitigar as mudanças do clima. Há possibilidade de cair questões com foco no Acordo de Paris e o Protocolo de Kyoto.


– Acordo de Paris:

Trata-se de um acordo assinado por 195 países em 2015, durante a 21ª Conferência das Partes (COP21) da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre a Mudança do Clima. O tratado prevê que, a partir de 2020, países começaram a perseguir metas para a redução do efeito estufa.

Em 1º de junho de 2017, Donald Trump anunciou a saída dos Estados Unidos do acordo, apesar da nação emitir uma das maiores taxas de poluentes do planeta. A saída deve acontecer em novembro de 2020. O atual presidente norte-americano, Trump, afirmou que o acordo assinado pelo governo Obama freia o desenvolvimento nacional.

– Protocolo de Kyoto:

É o primeiro que define metas para frear o aquecimento global. A definição de compromissos para 37 países industrializados entrou em vigor até dezembro de 2012. Agora, com o término da vigência, a emenda de Doha foi lançada para dar prosseguimento do documento de 2013 até 2020. Em 2017, o Brasil aderiu a emenda (decisão da Câmera). Apesar disso, por conta do Acordo de Paris, a emenda não entrou em vigor.

– Desmatamento:

O Deter emitiu alerta a partir do Instituto Nacional de Pesquisas (Inpe) sobre a questão do desmatamentos. De acordo com esses dados, entre janeiro e agosto de 2019, um total de 6.404,4 quilômetros quadrados na Amazônia foi desmatado. Para efeitos de comparação, nesse mesmo período, em 2018, foram desmatados 3.336,7 quilômetros (aumento de 91,9%).

O desmatamento em outras regiões e biomas é, também, assunto relevante. O Cerrado é um exemplo. Na região, foram desmatados 3.931 quilômetros quadrados até o agosto de 2019. No ano passado, foram desmatados 4.391 quilômetros quadrados (diminuição de 10,4%).

– Queimadas:

Houve um aumento drástico nas queimadas na Amazônia (dados do INPE mostram que agosto de 2019 foi o pior mês dos nove anos últimos, quando o assunto é foco de incêndio no bioma).

O presidente da França de Emmanuel Macron ameaçou bloquear o comércio entre União Europeia e MERCOSUL por conta das queimadas.

– Redução do consumo de carne:

Em 8 de agosto de 2019, o relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) lançou um alerta: A população mundial precisa comer menos carne. Porque a diminuição do consumo auxilia a combater o aquecimento global, melhora solos e evita perda de alimentos.

– Guerra comercial entre China e Estados Unidos:

Trata-se do aumento de tarifas sobre produtos (seja americanos, seja chineses) para dificultar a entrada de mercadorias estrangeiras.

– Refugiados, guerras e crise migratória:

De acordo com o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur), o ano de 2018 terminou com o saldo de 70,8 milhões de refugiados de guerra, perseguição e violência.

– Síria:

Sofre com a devastação provocada por uma guerra civil iniciada em 2011.

Essa onda de violência iniciou uma intensa onda de migrações em massa.

– Afeganistão:

Por conta da ocupação norte-americana iniciada em 7 de outubro de 2001, o país vive em crise. A presença dos soldados americanos conflita com as tropas de milicianos do Talebã (grupo extremista).

Sudão do Sul

País mais jovem a se tornar independente (sua independência aconteceu em julho de 2011). No ano de 2013, em dezembro, iniciou uma guerra civil entre os lados que apoiam o presidente Salva Kiir e o ex-vice, Riek Machar. E a guerra civil arruinou a produção de petróleo nacional.

Tensão nuclear entre Irã e EUA

Estados Unidos acusam o Irã de desenvolver tecnologia bélica nuclear.

– Tensão nuclear entre EUA e Coreia do Norte.

Coreia do Norte afirma possuir seis bombas nucleares (analistas dizem que isso pode ser mentira).

Acirramento entre EUA e Coreia do Norte porque norte-americanos acreditam que o outro país possui um arsenal de armas atômicas.

Brexit: crise da União Europeia e a saída do Reino Unido

Saída do Reino Unido da União Europeia através de um plebiscito.

Possibilidade de outras regiões quererem se separar (Escócia e Irlanda, por exemplo).

– Facebook e criptomoedas:

O Facebook planeja lançar a moeda virtual Libra e a carteira virtual Calibra em 2020.

– Técnica CRISPR

Trata-se de uma edição de genes para que bebês humanos fiquem mais resistentes ao vírus HIV.

– Vacinas

Ocorreu um aumento de 300% dos casos de Sarampo em todo o mundo.

Os 50 anos da chegada do homem à lua.

A israelense SpaceIL tentou, sem sucesso, um pouso na superfície lunar.

Lançamento da sonda Chandrayaan-2 para que a Índia estude o solo lunar.

Lançamento de sonda chinesa Yutu-2 para estudar o lado oculto da lua.

Foto de um buraco negro.

Felipe Gruetzmacher



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *